Cardiologia

Problemas Cardíacos mais Comuns em Cães e Gatos

 

 

É verdade que Cães e Gatos não sofrem Ataques Cardíacos? 


Em seres humanos, a expressão “ataque cardíaco” é usada para descrever uma trombose coronária (um bloqueio dos vasos sanguíneos que irrigam o músculo cardíaco, devido a depósitos de gordura). Cães e gatos podem sofrer ataques cardíacos se estiverem muito prejudicados pela filariose ou se estiverem muito obesos e já com certa idade, porém em muito menor escala do que seres humanos. Cães e gatos geralmente sofrem de outros problemas cardíacos. 

O problema cardíaco que mais ocorre em gatos é a Cardiomiopatia. A cardiomiopatia é um problema que ocorre no próprio músculo cardíaco. Antigamente, um tipo específico cardiomiopatia (cardiomiopatia dilatada) ocorria com mais freqüência porque os gatos não recebiam uma quantidade suficiente de Taurina (um aminoácido importante), para prevenir este tipo de problema. 

Cães também podem apresentar Cardiomiopatias, mas geralmente eles têm maior tendência em apresentar problemas de válvulas cardíacas. As válvulas cardíacas se localizam entre os diferentes compartimentos do coração (átrios e ventrículos). Elas evitam que o sangue volte ao compartimento de onde foi bombeado. Problemas nas válvulas quase sempre geram murmúrios cardíacos também conhecidos como sopros.

Nesta sessão, estaremos falando sobre textos realtivos a problemas cardíacos de cães e gatos.

Escreva para a RENALVET e mande seu texto que publicaremos!